27 C
Rio de Janeiro
sábado, fevereiro 24, 2024
Mais

    Mulher realiza casamento em hospital no Amapá para ter mãe presente na cerimônia

    Date:

    A pedagoga Bruna Karoline Viana, de 23 anos, nutria o sonho de ter sua mãe, atualmente internada em um hospital particular de Macapá, presente em seu casamento. Com determinação e o apoio da equipe médica, esse desejo se concretizou na última segunda-feira (13).

    ++ Projeto de lei propõe proibir casamento de condenados por violência doméstica

    Bruna uniu-se em matrimônio ao advogado e assessor da Defensoria Pública do Amapá (DPE-AP), Kupper Souza Viana, de 28 anos. O relacionamento do casal começou há dois anos, e o noivado foi anunciado em 1º de janeiro deste ano.

    ++ Mulher é condenada por encomendar o assassinato do marido no Amazonas

    Devido ao estado de saúde delicado de sua mãe, de 53 anos, o casal optou por antecipar a cerimônia, originalmente planejada para dezembro.

    “A gente havia planejado o casamento para dezembro, só que a minha mãe se internou em junho e nunca mais saiu do hospital. Era um sonho da minha mãe me ver casar e participar desse momento. Mediante alguns laudos dela e a internação por tempo indeterminado, tivemos a conversas sobre”, disse Bruna.

    O noivo concordou com a ideia, e o casal procurou a assistência social do hospital, que os orientou a redigir uma carta formalizando o pedido. Após a autorização, o cartório foi informado e autorizou a realização da cerimônia dentro da unidade de saúde.

    “Quando entreguei a carta, foram menos de 24h para me darem a resposta positiva. O hospital orientou a fazer a cerimônia em um dos espaços mais próximos da UTI pra poder ter assistência rápida, se fosse necessário. Ela gostou muito”, descreveu a pedagoga.

    Nesta terça-feira (14), a mãe de Bruna foi transferida para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e seu estado de saúde é considerado delicado.

    Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS

    Mais Recentes