30.7 C
Rio de Janeiro
sábado, fevereiro 24, 2024
Mais

    Jovem morto após ficar preso em escada na piscina teve edema cerebral

    Date:

    O adolescente Arthur Sampaio Flores, de 14 anos, faleceu na quarta-feira (3/1) em consequência de complicações decorrentes da parada cardiorrespiratória sofrida após ficar preso na escada da piscina, onde passou cinco dias internado.

    ++ Criança de 6 anos desaparece em praia da Barra da Tijuca, no Rio

    O incidente ocorreu em um condomínio de luxo na Mooca, zona leste de São Paulo, onde Arthur residia. A médica do hospital, onde o jovem estava internado, informou que a causa do óbito foi devido a “edema cerebral” e “encefalopatia anóxica”, resultantes da parada cardiorrespiratória.

    ++ Adolescente teria ajudado a levar corpo de youtuber para fundo de casa

    Arthur se afogou em 29 de dezembro de 2023 ao tentar atravessar a escada da piscina nadando e acabou ficando submerso. Apesar de ter sido resgatado com vida, o quadro se agravou ao longo dos dias.

    Os profissionais de saúde explicam que a falta de oxigênio provocou inflamação no cérebro, desencadeando uma pressão no crânio, culminando em sua morte posteriormente.

    O caso está registrado como “morte suspeita” pela Polícia Civil, pois ainda não há elementos conclusivos para determinar se foi um acidente ou se alguém é responsável criminalmente.

    No momento do afogamento, a mãe estava presente e foi quem prestou os primeiros socorros, chamando uma ambulância que o levou ao Hospital Villa-Lobos, no mesmo bairro.

    Os pais afirmaram que as câmeras de segurança do condomínio registraram o incidente. O ocorrido teve lugar no Grand Boulevard Parque da Mooca, um condomínio com apartamentos anunciados por R$ 3,4 milhões.

    Os investigadores requisitaram um exame necroscópico para confirmar a causa da morte mencionada pela médica.

    Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS

    Mais Recentes