25.5 C
Rio de Janeiro
quinta-feira, maio 23, 2024
Mais

    Motorista do Porsche se entrega à polícia

    Date:

    O empresário Fernando Sastre de Andrade Filho, de 24 anos, que dirigia o Porsche que provocou a morte de um motorista de aplicativo em São Paulo, se entregou à polícia.

    Ele se entregou na tarde dessa segunda-feira, após conceder entrevista ao Fantástico, na Globo, na noite de domingo.

    ++ Bolsonaro é internado pela segunda vez com infecção de pele

    Ele era aguardado para se apresentar no 30º DP (Vila Gomes Cardim), mas se entregou na 5ª seccional, no Tatuapé. Ambas as delegacias ficam na zona leste da capital paulista.

    Andrade Filho teve a prisão preventiva decretada pela Justiça na última sexta-feira (3). No dia seguinte, após o empresário não ter se apresentado, a Polícia Civil foi à casa dele para tentar prendê-lo, mas ele não foi encontrado. Por esse motivo, ele passou a ser considerado foragido.

    ++ Gusttavo Lima doa cachê milionário de show para vítimas do Rio Grande do Sul

    O caso ocorreu por volta das 2h30 do dia 31 de março. O carro Porsche, dirigido por Fernando, atingiu a traseira do Renault Sandero que era guiado pelo motorista de aplicativo Ornaldo da Silva Viana. O motorista chegou a ser socorrido e levado pelo Corpo de Bombeiros ao hospital municipal do Tatuapé, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. O condutor do Porsche deixou o local do acidente na companhia da mãe, que disse aos policiais que levaria o filho a um hospital por causa de um suposto ferimento que ele havia tido na região da boca, o que não aconteceu. Fernando negou que havia ingerido bebida alcoólica, mesmo um amigo informando que sim.

    Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS.

    Mais Recentes