20 C
Rio de Janeiro
domingo, julho 14, 2024
Mais

    Lula destina R$ 1,6 bilhão ao audiovisual e critica depravação na arte

    Date:

    Em um evento no Rio de Janeiro comemorando o Dia do Cinema Nacional, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva anunciou um investimento recorde de R$ 1,6 bilhão no setor audiovisual. Durante seu discurso, Lula afirmou que artistas, cinema e novelas devem promover cultura e não depravação. Ele enfatizou que a arte deve contar histórias e narrativas enriquecedoras, e que os artistas não devem ter medo de debater com críticos.

    ++Lula afirma que não quer “ensinar às crianças coisas erradas” por meio da cultura

    Lula criticou aqueles que atacam a classe artística, referindo-se a eles como “malucos” que gritam e xingam. Ele incentivou os artistas presentes a defenderem seu direito de produzir arte sem medo. Além disso, Lula destacou a importância de regulamentar os vídeos sob demanda (VOD) e pediu que o setor trabalhe com os congressistas para criar uma legislação adequada para isso.

    O Fundo Setorial do Audiovisual (FSA) destinará R$ 1,6 bilhão para a produção de filmes e séries brasileiras em 2024, um aumento de 23% em relação ao ano anterior. Entre os investimentos estão R$ 200 milhões para coproduções internacionais e R$ 400 milhões para projetos de infraestrutura, principalmente para expandir a rede de cinemas fora do eixo Rio-São Paulo.

    ++Pai é preso por suspeita de abusar da filha de seis anos no Ceará

    Desde 2023, o Ministério da Cultura já investiu R$ 6,1 milhões em cerca de 100 projetos de produção de curtas-metragens e no intercâmbio de profissionais no exterior. Esses investimentos visam fortalecer o setor audiovisual brasileiro, promovendo a cultura e a arte no país.

    Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS.

    Mais Recentes