28.2 C
Rio de Janeiro
sábado, março 2, 2024
Mais

    Cantor sertanejo Léo Magalhães é obrigado a pagar Ferrari que comprou e não pagou

    Date:

    O cantor sertanejo Léo Magalhães foi judicialmente obrigado a quitar o valor de uma Ferrari adquirida em Goiânia. Documentos do processo revelam que o veículo custou aproximadamente R$ 511 mil, porém, mesmo após cobranças da loja, o montante não foi pago. A decisão pode ser contestada.

    ++ Lucas Lucco fala sobre momento difícil na vida: ‘Foi vale da sombra da morte’

    A equipe de Léo Magalhães não se manifestou sobre a decisão.

    ++ Taylor faz carta aberta e elogia fãs brasileiros

    A sentença, datada de 20 de novembro, determinou que plataformas de música informem os valores de direitos autorais disponíveis para Léo Magalhães, visando saldar a dívida. O processo está em andamento desde 2018.

    A Justiça concedeu um prazo de 15 dias para as plataformas prestarem informações sobre os valores disponíveis. Posteriormente, o cantor terá 15 dias para se manifestar sobre a decisão.

    Esta não é a primeira vez que o artista enfrenta ações judiciais para quitar pendências financeiras. Léo Magalhães e a LB Produções, empresa que gerencia sua carreira, foram condenados anteriormente a pagar R$ 2,5 milhões ao baixista Márcio Henrique dos Santos Luz, referentes a direitos trabalhistas do período em que ele integrava a banda do cantor.

    Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS.

    Mais Recentes