24.2 C
Rio de Janeiro
segunda-feira, julho 22, 2024
Mais

    Biden reafirma que não perdoará filho condenado por mentir sobre uso de drogas

    Date:

    O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, reafirmou nesta quinta-feira que não concederá perdão a seu filho Hunter Biden, condenado recentemente por mentir sobre o uso de drogas ao adquirir uma arma de fogo em 2018. “Respeitarei a decisão do júri”, declarou Biden, acrescentando: “Não vou perdoá-lo.”

    ++Megaprojeto de Javier Milei é aprovado no Senado Argentino, gerando confrontos nas ruas

    Apesar disso, a secretária de imprensa da Casa Branca, Karine Jean-Pierre, afirmou na quarta-feira (12) que o governo dos EUA não descarta uma possível troca de pena para Hunter. Contudo, enfatizou que essa discussão é ainda teórica, já que a sentença ainda não foi determinada pela Justiça.

    Hunter Biden, o único filho vivo do presidente, foi condenado na terça-feira (11) por ter mentido ao comprar uma arma, assinando um documento no qual garantia não ser usuário de drogas ilegais. Segundo a acusação, Hunter, de 54 anos, sabia que era dependente de crack na época. Ele se declarou inocente, e seu advogado afirmou que Hunter não usava drogas no momento da compra.

    ++G7 planeja empréstimo bilionário para Ucrânia com lucros de ativos russos congelados

    No livro autobiográfico “Beautiful Things”, publicado em 2021, Hunter Biden descreve suas lutas contra o vício, incluindo episódios de consumo excessivo de álcool e buscas desesperadas por drogas. Ele também compartilha suas tentativas de reabilitação e relacionamentos passageiros. Sobre seu pai, Hunter escreveu: “Ele nunca me abandonou, me ignorou ou me julgou. Às vezes, sua perseverança me surpreendia.”

    Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS.

    Mais Recentes